In Somniphobia

Ontem eu havia visto esse excelente post no blog #collectorsroom sobre as diversas vertentes do metal e antes de dormir me veio essa dúvida na cabeça: como será que ficou o novo disco do Sigh, In Somniphobia?

Daí hoje resolvi dar uma conferida e…

Bom antes de mais nada caso vocês não estejam familiarizados o Sigh é uma banda de black/avant-garde metal oriunda do Japão, capitaneada pelo baixista/tecladista/vocalista Mirai Kawashima.

Mirai e Dr.Mikannibal

Embora tenha sua origem calcada no Black Metal, a banda foi transformando seu som gradativamente em algo praticamente inrotulável, pois em uma mesma música você pode ter blasting beats violentos acompanhados de um standard de jazz e um interlúdio feito por um naipe de metais, com cítaras e hammonds permeando ao longo dos compassos em ritmos imprevisíveis.

Foram pouco mais de 10 anos até que estes elementos fossem mostrados no disco Imaginary Sonicscape de forma mais explícita.

Eu confesso que embora goste de sons mais extremos é realmente desafiador ouvir algo que é completamente distante do óbvio, algo que soa sem limites para a criatividade e que procura fugir da zona de conforto que muitos artistas criam e que mantém a filosofia “time que está ganhando não se mexe”.

O primeiro trabalho que eu ouvi deles foi Gallows Gallery lançado no ano de 2005, com o início do youtube eu pesquisei um pouco e me deparei com 2 vídeos deles: Messiahplan e Midnight Sun, acho que esses se eu não me engano foram os primeiros vídeos que eu vi no Youtube antes do Google comprar, mas isso é outra história.

Gostei bastante do som deles e fui pesquisar mais sobre e achei interessante a história que cercava a gravação de Gallows Gallery:

– Mirai mostra suas habilidades de throat singing mongól em algumas músicas, caso você esteja pensando o que diabos é isso veja esse vídeo.

– Há um boato que durante a gravação do disco eles usaram armamento sônico da Segunda Guerra Mundial para conseguir determinados efeitos sonoros que causassem algum efeito psicológico no ouvinte, esse boato foi desmentido pela banda anos depois.

– Há inúmeras participações especiais neste disco, incluindo um solo gravado pelo atual guitarrista do Madman Gus G.

– A Century Media esperava por um disco mais agressivo que o antecessor Imaginary Sonicscape e acabou por não lança-lo, sendo então lançado pela gravadora Candlelight.

Talvez se eles dessem uma chance a este disco quem sabe eles não se arrependeriam mais tarde, pois logo em seguida eles lançaram o violento Hangman’s Hymn, outro disco que eu não me canso de ouvir.

Ainda falando deste album, ele foi remasterizado e remixado por James Murphy que conseguiu dar o peso e o som que faltava para tornar este disco ainda mais formidável.

Mas agora voltando a falar de In Somniphobia.

Mirai e sua trupe decidiram simplesmente explodir os neurônios dos seus ouvintes com tamanha profusão de harmonias e ritmos variados que esse album possui, a agressividade que vinha aumentando desde Hangman’s Hymn passando por Scenes from Hell ainda está representada pelo duo diabólico de vozes formado por Mirai e pela bela Dr.Mikannibal, porém aqui o que impera é a diversidade.

A ousadia de juntar elementos que podem soar fora do contexto do que é metal extremo é algo digno para se reverenciar. Fugir do lugar comum e dos “templates” que o estilo impõem só traz benefícios para quem está ouvindo e para quem compôs, afinal sem um desvio do normal o progresso seria impossível assim dizia Zappa.

Sem sombra de dúvidas In Somniphobia está em minha lista de lançamentos favoritos do ano de 2012.

Melhor representação de como é ouvir o disco.
Fonte: Sigh Official Facebook Page

Anúncios

Sobre leandronagata

Axe-man, dreamer, lover, coffe-addict, teacher and always a student. Ver todos os artigos de leandronagata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: